10.11.16

Tao assinala Solstício de Inverno com Saudações ao Sol


Na tradição yogic, a Saudação ao Sol é um ritual executado 108 vezes nos solstícios de Verão e Inverno, para marcar a mudança da Luz.

Para assinalar o solstício de Inverno de acordo com a tradição Yogic, no dia 21 de Dezembro o Centro Tao vai entregar 108 saudações ao Sol. Todos os alunos, familiares e amigos estão convidados para este ritual que terá lugar entre as 08H00 e as 10H00 e as 17H30 e as 19H30, seguido de uma partilha de lanche após as Saudações ao Sol do fim do dia. 


Approach cultural à Saudação ao Sol

Em muitas culturas, a luz tem sido um símbolo de consciência e auto-iluminação. "O mundo começa com a chegada da luz", escreveu Erich Neumann em “As origens e História da Consciência.

A nossa principal fonte de luz é o Sol. Quando olhamos para a nossa estrela mais próxima, vemos pouco mais do que uma grande bola amarela, mas desde há milhares de anos que os hindus reverenciado o sol - a que chamam de Surya - como o coração físico e espiritual do nosso mundo e o criador de toda a vida em si.

Um dos meios de reverenciar o sol é através da sequência dinâmica de posturas de yoga conhecida por “Saudação ao Sol” (Suryanamaskar, em sânscrito). Cada Saudação ao Sol inicia e termina com as mãos unidas em frente ao coração. Este gesto não é acidental, já que os yogis creem que só o coração pode conhecer a Verdade.

Os yogis antigos ensinavam que cada um de nós é uma pequena réplica do Universo, contendo “rios, mares, montanhas, campos…estrelas e planetas…o sol e a lua”. O Sol exterior, afirmavam, é na realidade um sinal do nosso proprio “sol interior”, que corresponde ao nosso espirito, ou coraçao. O coração é a base da Consciência e da Sabedoria.

Pode parecer estranho que os yogis considerem o coração (tipicamente associado às emoções no mundo ocidental) como a base da Sabedoria, em vez do cérebro. Isto sucede porque no Yoga o cérebro é tipicamente simbolizado pela Lua, que reflecte a luz do Sol, mas não gera qualquer luz por si mesma. Este tipo de sabedoria (do cérebro) é importante quando lidamos com as questões mundanas, mas no final, o cérebro é inerentemente limitado ao que pode saber e é propenso a que Patanjali chama de equívoco (viparyaya) ou falso conhecimento de si.

Approach físico Saudação ao Sol

Estabelece a ligação entre o movimento e a respiração, unindo o corpo, mente e espírito.

A Saudação ao Sol tem como principais benefícios:

- tonifica o sistema digestivo através da compressão e alongamentos alternados da região abdominal;
- Massaja os órgãos internos, estômago, fígado e baço;
- Activa a digestão;
- Auxilia com problemas de prisão de ventre;
- Pela sincronização que cria entre o movimento e a respiração, os pulmões são completamente ventilados e o sangue oxigenado, criando um efeito desintoxicante;
- Intensifica a atividade cardíaca e o fluxo de sangue no corpo humano, beneficiando  saúde geral do corpo;
- Através do alongamento e flexão da coluna vertebral (a saudação ao sol contem 12 diferentes posturas para a coluna vertebral), esta sequência tonifica o sistema nervoso;
- Facilita a eliminação de toxinas através da pele, pulmões, intestinos e rins;
- Beneficia o sistema imunitário.

Sem comentários: