30.1.12

No Dia dos Namorados, ofereça Bem-Estar...


Óleos essenciais terapêuticos. Uma apresentação no Tao


O aromaterapeuta alemão Purna-Samarpan Querhammer vai realizar no Tao uma introdução gratuita aos óleos essenciais de grau terapêutico. A palestra terá lugar na próxima 6ª feira (3 de Fevereiro de 2012) às 21h00.

Alguns dos tópicos a abordar, entre outros, são:

- Desintoxicação com óleos essenciais: como se livrar de resíduos tóxicos.
- Equilibre o corpo, emoções e a sua vida com óleos essenciais.
- Reduza o stress e os medos em si, no seus filhos e até nos seus animais.
- Como melhorar a sua digestão e metabolismo para ter mais energia.

Para além de aromaterapeuta, Purna-Samarpan Querhammer também é instrutor de Chi Running, além de atleta da corrida certificada como a mais longa do mundo:

http://abcnews.go.com/Video/playerIndex?id=2239377

Beneficie, com os seus amigos, da partilha gratuita de experiências com os óleos essenciais de grau terapêutico.

Entrada livre com lugares limitados aos disponíveis no espaço.

26.1.12

O erro médico, esse tabu...

Oficina de Dança Natural e Mudras no Tao

18 de Fevereiro (sábado)
Com Beatrix Stephanie Gutbub
15h30 às 18h30

A Dança Natural, pode-se dizer, é o oposto da Dança Clássica. A Dança Clássica, normalmente, é executada com regras fixas e interpreta a música clássica.

A Dança Natural funciona de forma diferente. Os movimentos, posturas e gestos são simples, leves, livres e naturais (sem esforço), seguindo a sua própria intuição, e podem-se interpretar diferentes tipos de musica (clássica, jazz, blues, rock, folclore, músicas étnicas, etc.). Esta forma de dançar não foi criada por mim. Nasci com a inspiração da dança, o que está presente dentro de todos nós, sempre (o que me lembro... o que me consulto...). Desde criança pratico-a de uma forma espontânea e intuitiva (e deixo-me surpreender com ela).

Na fase da preparação da Dança Natural alguns exercícios servem para aquecer o corpo e a prática das posturas de Yoga e de Mudras* (gestos rituais, yoga dos dedos) ajudam a desenvolver exteriormente o equilíbrio, a elasticidade, a flexibilidade do corpo e a força de saltar. Interiormente, ajudam a desenvolver a nossa intuição, auto-confiança, auto-segurança, auto-estima e dissolvem quaisquer bloqueios. Em resumo, estabelecem harmonia dentro de nós. Claro que isto desenvolve-se praticando ao longo de algum tempo.

Consideramos o nosso corpo como se fosse um instrumento (flauta, guitarra, piano...).

Convém dominar pelo menos algumas técnicas básicas, comuns em todas as danças, como por exemplo viravoltas, passos e saltos, que facilitam a transmissão da nossa inspiração enquanto dançamos.

A essência ou o alvo da Dança Natural e de "explorar o bailarino", que existe dentro de nós, ou seja, a capacidade de deixar flutuar e vibrar a música dentro de nós e usufruir em pleno desta experiência única, fantástica.

Este "bailarino" sabe expressar-se através da sua dança, o que caracteriza os quatro elementos da Natureza e o "jogo" entre eles:

- a flutuação e frescura da água
- a leveza, o voo e as mudanças do vento
- o calor, a paixao, o amor e o brilho do fogo
- a firmeza, a certeza, a estabilidade e calma da terra.

Estou convencida que a prática desta dança ao longo do tempo, pode contribuir para a construção de um futuro mais luminoso do que o que actualmente temos previsto

Mudras 

Gestos rituais, que existiram em quase todas as culturas antigas. Hoje em dia é somente praticado na Índia, sobretudo nos templos indianos. Foi há pouco tempo redescoberto, mas ainda é pouco conhecido.

Igualmente como existem inúmeras posturas de Ioga, também há inúmeros “mudras”, que atraem diferentes aspetos da energia cósmica (diferentes estados de espíritos universais).

Basta conhecer os mais importantes e efectivos, como por exemplo, o”Chin-Mudra”, que significa a união do céu com a terra. A introdução destes “gestos” na dança embeleza e enriquece a mesma.

Lembrando um provérbio antigo: “Um simples gesto pode mudar tudo, destruir ou construir um mundo”

Data: 18 de Fevereiro 2012
Horários:
Dança Natural: Das 15h30 às 17h00
Yoga-Mudras (gestos naturais e rituais, ou Yoga dos Dedos): 17h15 às 18h30
Mínimo de 6 pessoas, máximo de 12
Valor: 25€
Inscrições nos contactos do Tao: tao.centro@gmail.com ou 91 423 80 10

18.1.12

Workshop no Tao: A Liderança a partir da Consciência

“Os grandes líderes são aqueles que, a partir da perspetiva superior do espírito, conseguem responder às suas próprias necessidades e às necessidades dos outros com perspicácia, criatividade e sentido de unidade desde a família, o lar, a escola, o trabalho e as relações pessoais”.

Objetivos: Possibilitar uma dinâmica de liderança extraordinária com a prática dos “sete passos”:

L = Look and Listen (Ver e Ouvir)
E = Emotional Bonding ( Vínculos Emocionais)
A = Awreness (Consciência)
D = Doing ( Fazer)
E = Empowerment
R = Responsability (Responsabilidade)
S = Synchronicity (Sincronismo)

Formadores: Joaquim Afonso e Maria Luiza Silva
Local: Tao Desenvolvimento Pessoal
Data: 11 e 12 Fevereiro 2012
Carga horária: 16h
Horário: 9h30 – 13h00 / 14h00 – 18h30
Número de inscrições: mínimo 8, máximo 12
Preço: 60€
Destinatários: Tema abrangente e transversal a todas as pessoas independentemente das suas funções. Tem como objetivo a alteração e desenvolvimento dos padrões de Liderança  Liderança através da mudança de atitude interior face aos grandes desafios e transformações que se estão a verificar nos vários níveis: pessoal, familiar, social, cultural, associativo, institucional e empresarial.  

Entrega de Certificado final e Manual
Inscrições: tao.centro@gmail.com - 914238010 – 919184633

16.1.12

Workshop de Proteção Energética


Dado o sucesso da primeira edição deste workshop, vai decorrer outro no dia 19 de Fevereiro (domingo). Inscreva-se e garanta já o seu lugar!


com Ricardo Lemos

No dia a dia de cada um, são tremendas as trocas de energia que ocorrem.

A falta de consciência do trajeto e utilização da nossa energia é um dos principais motivos pelos quais começamos o dia com um cansaço que muitas vezes pode parecer estranho.

Noites mal dormidas, mesmo quando nos deitamos com sono e sem motivo aparente para insónias.

Falta de vontade de sair de casa, ou falta de vontade de estar em casa. Padrões de vida alterados sem explicação aparente.
Tudo isto tem explicação.

Aprenda a identificar aqueles que consciente ou inconscientemente querem levar a sua energia e a proteger-se deles!

Cada um de nós é capaz de ser energeticamente auto-suficiente.

Serão ensinadas técnicas de meditação ativa e de proteção energética e entregue documentação de apoio.

Em termos práticos, é feita uma abordagem ao conceito de Energia vital, e são explicadas as trocas que podem ocorrer no dia a dia e são ensinadas ou recordadas formas de lidar com essas situações, bem como técnicas de proteção energética atingidas através da visualização, mas de forma activa. Muita da informação tem como referência o autor James Redfield.

Inscrições obrigatórias nos contactos do Tao ATÉ DIA 10 DE FEVEREIRO.
Quando: Sábado, 19 de Fevereiro 2012, 15h – 18h
Onde: No Tao Desenvolvimento Pessoal (clique aqui)
Valor: 10€
Mínimo: 10 participantes
Ricardo Lemos: http://pt-br.facebook.com/mandala.terapias

10.1.12

Reiki nos hospitais portugueses

Curso Intensivo Massagem de Relaxamento


3 e 4 de Março 2012 com Marina Rodrigues

Aprenda a fazer massagens de relaxamento.

A massagem traz vários benefícios para o organismo: relaxamento dos músculos tensos, alívio da dor muscular, melhora a circulação sanguínea e é um tratamento eficaz contra o stress do dia-a-dia.

Objectivos:

Conhecer os aspectos gerais da história da Massagem.
Identificar os efeitos da massagem.
Identificar as contra indicações à massagem.
Reconhecer a importância do ambiente na massagem.
Reconhecer a importância do vestuário e aparência do massagista.
Dominar as técnicas da massagem de relaxamento.
Executar com eficiência uma massagem geral de relaxamento.

Programa:

1. História da massagem.
2. Efeitos fisiológicos e terapêuticos.
3. Efeitos psicológicos.
4. Efeitos circulatórios.
5. Contra indicações à massagem.
6. Procedimentos de preparação, execução e finalização.
7. Técnicas de massagem.
8. Rotina geral de massagem.

Formadora: Marina Rodrigues
Data: Fim de semana de 3 e 4 de Março de 2012
Local: Tao Desenvolvimento Pessoal - Figueira da Foz
Horário: Das 9h30 às 12h30 e das 14h às 19h
Destinatários: Público em geral.
Carga Horária: 16 horas
Nº mínimo e máximo de participantes: 6 a 10 participantes
Requisitos: Os formandos devem usar calção e t-shirt e trazerem uma toalha de rosto e outra de banho.
- O Workshop funcionará sempre com apoio do formador.
- Para a obtenção do certificado o formando não deverá faltar mais do que 1 hora.
- No final do Workshop, o participante receberá um Certificado e um Manual das Temáticas abordadas (em pdf), elaborado pelo formador.
- Até 48h após o término do Workshop, o formando tem direito a colocar dúvidas via email, sobre os temas ministrados.
Preço: 80€ por pessoa
Inscrições: Nos contactos habituais do Tao Desenvolvimento Pessoal (clique aqui)

9.1.12

Reiki no Tao - Iniciação e orientação pessoal

Nível 1: 16 de Janeiro
Nível 2: 20 de Janeiro

Comece o novo ano sintonizado com a Energia do Amor.

Aprenda Reiki e, para iniciar o ano da melhor maneira, aprenda também a definir as suas prioridades para o futuro, libertando-se das suas "velhas bagagens"...

Com Paula Duarte

preço nível 1: 60€
preço nível 2: 75€
horário nível 1: das 11h30 às 13h00 e das 14h00 às 16h30
horário nível 2: das 11h00 às 13h00 e das 14h00 às 16h00

inscrições para tao.centro@gmail.com ou 914238010

6.1.12

Workshop de Cristais 1ª Fase / Iniciados

Os Cristais desbloqueiam, libertam e reequilibram energias e emoções, aliviando sintomas negativos ou aflorando memórias e sensações importantes para o desenvolvimento pessoal.

De cada cristal tira-se um proveito específico, mas no geral todos abrem os canais intuitivos, fortalecem, harmonizam e trazem amor para a vida de quem os utiliza.

Desta forma, o grande objectivo deste workshop é dotar aos participantes de ferramentas eficazes para desbloquear, libertar e reequilibrar o seu campo electromagnético.

 Programa do Workshop: 
- O que é a Cristaloterapia
- De onde vêm os cristais e sua formação geológica.
- Técnica CLIP
- As diferentes técnicas para escolher os cristais
- Técnica LESP
- Os cuidados a ter na manutenção dos Cristais
- O Significado das cores na Cristaloterapia
- A Terapia da Cor na Cristaloterapia
- Meditação da Cor
- Quais os Cristais para protecção

Facilitadora: Patricia Gonçalves
Valor:40€
Data: dia 25 de Fevereiro 2012 das 14h às 19h
Condições: Inscrições até dia 20 de Fevereiro. Número mínimo de 10 alunos e máximo de 15.

2.1.12

Um diálogo de gigantes

Reconexão na Figueira da Foz: Cure-se, no Tao

O Tao tem o prazer de anunciar que passa a contar com a nova técnica da Reconexão, entre os serviços que presta. Esta prática curativa energética será exercida pela psicóloga Maria Cecília Carvalheiro, colaboradora para consultas de Cura Reconectiva e Reconexão. Marcações para os contactos habituais do Tao (clique aqui).

O que é a Reconexão? 

Esta é uma forma de cura que está no nosso planeta pela primeira vez. Reconecta-nos com a plenitude do Universo e, por consequência directa, com a plenitude do Ser que somos. Acredita-se que isto acontece graças a uma nova gama de frequências curativas e, muito provavelmente, devido a um campo de ondas totalmente novo cuja realidade se pode constatar claramente tanto durante as sessões como em laboratórios científicos. A Reconexão (Reconnection) é o processo abrangente de reconectar com o Universo, o que permite que aconteça a Cura Reconectiva (Reconnective Healing). Estas curas e frequências evolutivas pertencem a uma nova banda electromagnética e chegam-nos através de um espectro de luz e informação. Graças à Reconexão somos capazes de interactuar com estes novos níveis de luz e informação e, assim, reconectarmo-nos. Isto é algo novo. Isto é diferente. Isto é real – e pode ser tecido em cada um de nós.

(...)

Quase de certeza que muitos de nós já nos apercebemos que o tempo parece acelerar e expandir-se. Estamos num período de transição ao qual se deram já muitos nomes: A Mudança (The Shift), e A Mudança Das Eras (The Shift Of Ages). São dois termos utilizados por Gregg Braden. Esta transição foi já anunciada pelos Maias, os Incas, os Índios Hopi, Edgar Cayce e a Cabala (tanto a Judaica como a Cristã). No seu livro “Walking Between The Worlds” (“Caminhando entre os mundos”), Braden define a mudança como “…uma época na História da Terra em que há uma nova vivência da consciência humana. A mudança, caracterizada pela convergência entre a diminuição do magnetismo planetário e o aumento da frequência planetária a um dado momento, constitui uma oportunidade excepcional para remodelar colectivamente a expressão da consciência humana. A mudança é o termo que se aplica ao processo segundo o qual a Terra acelera através do decurso de mudanças evolutivas, com a espécie humana voluntariamente conectada aos campos electromagnéticos terrestres, pretendendo adaptar-se através de um processo de mudança celular.

No âmbito da cura, muitas das técnicas até aqui utilizadas passaram pela prova do tempo, funcionando como sempre funcionaram, mas agora temos mais, e também somos mais. Assim, as velhas técnicas já não são suficientes. Tão boas como sempre têm sido (estas técnicas), dentro dos nossos novos e ampliados parâmetros já não são apropriadas. Da mesma maneira que duas lanternas não seriam apropriadas para utilizar como faróis num carro, apesar de terem sido úteis para andar numa carruagem puxada por cavalos. O problema das técnicas que temos até agora é estarem sujeitas a rituais de protecção relacionados com ambos os participantes (tirar as jóias, cabedal, relógio, acreditar na terapia e/ou terapeuta…) e que já não estão presentes nas novas frequências.

(...)

A experiência de cada pessoa com a Cura Reconectiva é única. Geralmente as curas ocorrem em apenas uma sessão, mas podem também demorar mais algum tempo. Se você tiver sorte, a sua cura irá suceder da maneira que esperava. Se tiver mesmo muita sorte, a sua cura sucederá de uma maneira que nunca lhe tinha ocorrido, de uma maneira que o universo tinha em mente especificamente para si. (...)

Saiba mais em http://www.thereconnection.com/languages/pt

Preços: 
Cura Reconectiva: 50€
Reconexão: 333€

Marcações para 91 4238010 ou tao.centro@gmail.com

Uma reflexão para 2012

Recebemos neste início de ano, uma mensagem que não resistimos a reproduzir aqui, com a devida vénia agradecida à nossa querida amiga Sílvia Meném e ao seu espaço Portal, a quem desejamos um 2012 pleno de paz, saúde e sucesso!

Armadilhas e Ciladas no Caminho da Ascensão
Por Dr. Joshua David Stone

“Nas minhas viagens pela vida como ser espiritual, psicólogo espiritualista e discípulo do caminho, tomei consciência de muitas das armadilhas e ciladas que se encontram no caminho espiritual. Considero-me até especialista no assunto, pois tive a experiência de cair na maioria delas.
Recomendo, convicto, a meditação sobre a lista que apresento a seguir.
Embora breve em palavras, é profunda em intuições.
O meu propósito ao partilhar estas situações é poupar, ao maior número de pessoas possível, sofrimento desnecessário, carma negativo e os atrasos no caminho da ascensão, provocados pelo desconhecimento e pela ignorância. O caminho espiritual é bastante fácil num plano e incrivelmente complicado em outro. O ego negativo e as forças das trevas espalham sedução e apegos, imensos complexos e ardilosos desafios em cada passo do Caminho. Cometer erros e cair nessas armadilhas é normal. A minha preocupação é evitar que as pessoas que buscam o seu Caminho, fiquem enredadas nas ciladas por longos períodos, ou mesmo vidas inteiras.”

Eis, então, as armadilhas e as ciladas mais comuns:

1:-Abrir mão do seu poder pessoal, concedendo-o a outras pessoas, à mente subconsciente, ao ego negativo, aos cinco sentidos, ao corpo físico, ao corpo emocional, ao corpo mental, à criança interior, a um guru, aos mestres ascensionados, a Deus, a tudo o que for externo.
2:-Amar os outros, mas não a si mesmo.
3:-Não reconhecer o ego negativo como fonte de todos os problemas.
4:- Concentrar-se em Deus, mas deixar de integrar e educar de modo correto, a sua criança interior.
5:-Comer incorretamente e não fazer exercícios físicos suficientes, o que resulta em doença física e limitação nos outros níveis.
6:-Mergulhar profundamente na vida espiritual mas não reconhecer o plano psicológico, que precisa ser compreendido e dominado.
7:-Desejos, desejos e mais desejos materiais.
8:-Exercer poder sobre os outros depois de alcançar o sucesso.
9:-Desligar-se demais das coisas da Terra, o que prejudica o corpo físico.
10:-Tentar escapar da Terra, em vez de criar o Céu na Terra.
11:-Ver apenas as aparências, em vez de observar a verdadeira realidade que está por detrás de todas as aparências.
12:-Tentar tornar-se Deus, em vez de perceber que você já é o Eu Eterno, como todas as outras pessoas o são.
13:-Não perceber que você é a causa de tudo.
14:-Servir os outros totalmente, antes de se tornar auto-realizado dentro de si mesmo.
15:-Pensar que existe algo que se possa chamar de raiva justificada. A raiva é uma armadilha perigosa.
16:-Tornar-se um extremista, e não ser moderado em todas as coisas.
17:-Pensar que precisa ser asceta para tornar-se um ser espiritual.
18:-Tornar-se sisudo demais, deixando de ter alegria, felicidade e diversão suficientes na vida. Não há ascensão sem alegria.
19:-Ser indisciplinado e deixar de perseverar incessantemente nas suas práticas espirituais.
20:-Abandonar as práticas e estudos espirituais quando se envolve num relacionamento.
21:-Dar prioridade a um relacionamento, em detrimento do si e do seu processo interno. Essa é outra armadilha traiçoeira.
22:-Deixar que a criança interior governe a sua vida.
23:-Ser crítico demais e duro demais para consigo mesmo.
24:-Deixar-se enredar pelo glamour e ilusão dos poderes psíquicos.
25:-Tomar posse do seu poder pessoal, mas não aprender ao mesmo tempo a submeter-se ao seu Cristo interno.
26:-Abrir mão do seu poder pessoal quando estiver fisicamente cansado.
27:-Esperar que Deus e os mestres ascensionados resolvam todos os seus problemas.
28:-Viver no piloto automático e relaxar a vigilância.
29:-Entregar o seu poder a entidades que se possam comunicar consigo.
30:-Ler demais e não meditar o bastante.
31:-Deixar que a sexualidade o domine, em vez de dominá-la.
32:-Identificar-se excessivamente com seu corpo mental ou emocional, sem atingir o equilíbrio.
33:-Pensar que precisa ser um canal para outras vozes, ver ou experimentar toda a espécie de fenômenos mediúnicos a fim de se tornar espiritualizado ou ascender.
34:-Forçar a elevação da sua kundalini.
35:-Forçar a abertura dos seus chacras.
36:-Pensar que o seu caminho espiritual é melhor que o dos outros.
37:-Julgar as pessoas em função do nível de iniciação que alcançaram.
38:-Partilhar o seu nível "avançado" de iniciação com outras pessoas.
39:-Contar aos outros o seu "bom trabalho espiritual", em vez de simplesmente centrar-se na sua humildade. “Não saiba a tua mão esquerda o que fez a tua mão direita”.
40:-Pensar que as emoções negativas são algo imprescindível.
41:-Isolar-se dos outros e achar que isso é ser espiritualista.
42:-Considerar a Terra um lugar terrível.
43:-Entregar o seu poder à astrologia ou à influência dos astros, como fatores externos e incontornáveis.
44:-Apegar-se demais às coisas e às pessoas.
45:-Viver desapegado demais com relação à vida; não se esforçar rumo ao desapego envolvido.
46:-Viver preocupado demais com o eu; e não se dedicar o suficiente a servir os outros.
47:-Enredar-se nas numerosas teorias equivocadas da psicologia tradicional, pois cada uma delas não passa de uma fina fatia da torta inteira.
48:-Ser místico demais ou ocultista demais, e não se esforçar para integrar os dois lados.
49:-Desistir no meio das grandes adversidades. Essa é uma das piores armadilhas. Nunca desista! Nunca, jamais deve desistir!
50:-Achar que o sofrimento que o incomoda - seja em que nível for - não irá passar.
51:-Concentrar-se demais no nível de iniciação que alcançou, ou aguardar com ansiedade exagerada o momento da ascensão, em vez de se preocupar com o trabalho que precisa ser feito.
52:-Deixar-se enredar pelos poderes espirituais em vez de reconhecer que o amor é, de entre todos, o maior poder espiritual.
53:-Denegrir outros grupos espiritualistas ou metafísicos, em vez de buscar o trabalho conjunto e a unificação, mesmo que esses grupos não estejam inteiramente sintonizados com todas as suas crenças.
54:-Deixar-se enredar no dogma da religião tradicional, ou quaisquer outros dogmas.
55:-Pensar que precisa de um sacerdote, que aja como intermediário entre si e Deus.
56:-Usar as suas crenças espirituais para gerar divisão, elitismo ou uma condição especial indevida.
57:-Tornar-se fanático demais pelas suas próprias crenças.
58:-Achar que pode alcançar a iluminação por meio de drogas ou algum tipo de pílula mágica. Essa é uma das piores formas de ilusão!
59:-Achar que outras pessoas não precisam trabalhar no seu caminho espiritual.
60:-Sobrevalorizar o relacionamento com os filhos em detrimento das relações consigo mesmo e com o seu Cristo interno.
61:-Enredar-se em todas as atrações deste mundo material, realmente fascinante.
62:- Envolver-se demais no amor a uma só Pessoa, em vez de expandir seu amor para englobar muitas pessoas, e todos os outros, de forma incondicional.
63:-Enredar-se na dualidade, em vez de buscar equilíbrio mental, paz interior e equidade em todos os momentos; se você não transcender a dualidade, continuará a sentir-se vítima da sua própria montanha-russa emocional, sacudindo-se de um lado para o outro entre os altos e baixos da vida. A alma e o espírito pensam com uma consciência transcendente, que não tem ligação com essa lufa-lufa quotidiana.
64:-Ser pai ou filho, mãe ou filha no relacionamento a dois, em vez de assumir a condição de adulto.
65:-Pensar que precisa sofrer na vida. Isto é tremendamente falso!
66:-Ser ou querer ser um mártir do caminho espiritual.
67:-Precisar de controlar os outros.
68:-Ter ambição espiritual.
69:-Precisar de simpatia, amor ou aprovação.
70:-Ter necessidade de ser um Mestre.
71:-Ser hipersensível ou, no outro lado da moeda, duro demais.
72:-Assumir responsabilidades no lugar dos outros.
73:-Ser ou querer ser um salvador.
74:-Servir por motivos egoístas e pensar que está a acumular mérito espiritual.
75:-Pensar que é espiritualmente mais avançado do que realmente é; por outro lado, pensar que é menos avançado do que realmente é.
76:-Ser famoso e cultivar a dependência da fama.
77:-Dar importância indevida à busca da paixão ou da alma gêmea, e não perceber que a sua própria Alma - e a Mônada - são aquelas que, na verdade, o podem complementar e saciar interiormente.
78:-Pensar que precisa de um relacionamento romântico para ser feliz.
79:-Precisar ver-se no centro do palco; ou, no outro lado da moeda, preferir sempre esconder-se pelos cantos.
80:-Trabalhar e esforçar-se demais, exaurindo-se fisicamente, ou, no outro lado da moeda, distrair-se demais e não se ocupar dos assuntos do Pai.
81:-Buscar orientação em médiuns e não confiar na própria intuição.
82:-Entregar-se, neste plano ou no plano interior, a mestres que não sejam ascensionados e que, logicamente, também têm uma compreensão e concepção limitadas da realidade.
83:-Fazer do caminho espiritual um hobby, e não o "fogo devorador".
84:-Perder tempo demais em frente da TV, na Internet, com jogos de vídeo, ou lendo romances fúteis, e assistindo a filmes violentos.
85:-Gastar quantidades imensas de tempo e energia por falta de organização e administração adequada do tempo.
86:-Pensar que discutir com os outros é algo que lhe sirva a si, ou sirva a outras pessoas.
87:-Tentar vencer ou estar certo, em vez de se esforçar por amar e compreender.
88:-Enfatizar demais a intuição, o intelecto, o sentimento e o instinto, em vez de perceber que tudo isso precisa ser equilibrado e integrado, cada qual na
sua devida proporção; a cilada, aqui, é identificar-se excessivamente com um deles.
89:-Devotar-se a um guru que o diminui e o divide, em vez de se dedicar ao Eu espiritual que é você mesmo, e cultivar o seu próprio Cristo interno.
90:-Tentar permanecer aberto todo o tempo, em vez de saber como abrir e fechar o seu campo energético, de acordo com as necessidades.
91:-Não saber dizer não aos outros, à criança interior ou ao ego negativo.
92:-Pensar que a violência ou qualquer tipo de agressão contra os outros lhe vai trazer aquilo que você deseja, ou que sirva a Deus de algum modo.
93:-Culpar Deus ou irritar-se com Ele ou contra os mestres ascensionados por causa dos próprios problemas.
94:-Quando suas orações não forem atendidas, pensar que Deus e os mestres ascensionados não estão respondendo às suas preces.
95:-Comparar-se com outras pessoas, em vez de perceber que somos únicos, e que as potencialidades, as circunstâncias e as vivências do outro não são as suas.
96:-Pensar que ser pobre é ser espiritualizado. Pensar que é preciso ser rico para ser feliz e espiritualizado.
97:-Comparar-se e competir com os outros por causa dos níveis de iniciação e ascensão.
98:-Assumir o papel de vítima diante de outras pessoas ou do seu próprio corpo físico, emocional ou mental, desejos, cinco sentidos, ego negativo, eu inferior.
99:-Estudar demais e não manifestar os seus conhecimentos no mundo real.
100:-Pensar que o seu mau humor é a verdadeira realidade de Deus.
101:-Pensar que o valor reside em fazer e alcançar coisas.
102:-Pensar que você não precisa de se proteger espiritual, psicológica e fisicamente.
103:-Pensar que glamour, ilusão, ego negativo, medo e separação, são a verdadeira realidade.
104:-Usar açúcar, café e refrigerantes e outros estimulantes artificiais para obter energia física.
105:-Tentar fazer tudo sozinho e não pedir a ajuda a Deus; ou, no outro lado da moeda, pedir a ajuda de Deus e não se ajudar a si mesmo.
106:-Deixar de amar as pessoas porque elas o estão a tratar mal ou dando um exemplo negativo de egoísmo; não distinguir a pessoa de seu comportamento.
107:-Perder a fé na realidade viva da Alma, da Mônada, de Deus e dos Mestres Ascensionados, e na capacidade que eles têm de ajudá-lo.
108:-Pensar que apenas as outras pessoas podem atingir a ascensão, ou ser Luz no mundo, ou pelo menos não nesta vida.
109:-Tentar atingir a ascensão para fugir dos problemas quotidianos.
110:-Pensar que a Terra é uma prisão, e não reconhecê-la como um Paraíso em evolução.

“Tudo o que existe no universo divino é governado por leis - físicas, emocionais, mentais e espirituais. Aprendendo a compreender essas leis e tornando-se obediente a elas você trilhará o caminho da ascensão.”

Por uma humanidade livre, Joshua David Stone.

Meditação

Meditações da Lua Nova - Agenda para 2012


Encontros todas as noites de Lua Nova, às 21h30. Inscrições nos contactos habituais do Tao.

Porquê na Lua Nova?

Porque é quando a Lua no seu trajecto se encontra mais perto do Sol, e é assim vivificada e magnetizada por Ele.
É o início de um Novo Ciclo.
O Anjo que ocupa o grau do zodíaco onde o Sol está nessa data, lança em abundância as suas energias e bençãos.
Esta meditação ajuda-nos a reconhecer e a utilizar as Energias Angélicas, lançando as sementes para o futuro.
Plantamos um desejo, uma ideia, um projecto... A Vontade é criadora da nossa realidade.
A Lua Nova, além de ser o início de um novo ciclo,é também o final do ciclo anterior, e devemos refletir sobre a forma como utilizamos a Energia que esteve ao nosso dispôr e tomar consciência que são estes passos que damos em direcção à Luz, que nos conduzem cada vez mais ao Equilíbrio e perfeita sintonia com a ordem Universal.

Próximas datas da Meditação com os Anjos da Lua Nova no Tao (2012):

23 de Janeiro (segunda-feira)
21 de Fevereiro (terça-feira)
22 de Março (quinta-feira)
21 de Abril (sábado)
20 de Maio (domingo)
19 de Junho (terça-feira)
19 de Julho (quinta-feira)
17 de Agosto (sexta-feira)
16 de Setembro (domingo)
15 de Outubro (segunda-feira)
13 de Novembro (terça-feira)
13 de Dezembro (quinta-feira)

Entrada: donativo livre.